Como-Quando e Porquê Alimentar as Abelhas

Você pode se estar a perguntar se as suas abelhas vão morrer de fome, ou se elas têm provisões suficientes para se aguentarem no Inverno,

ou pode estar a pensar encorajar a sua colmeia para estar forte no início da Primavera mas com uma saúde ideal.

Então, quando e como deve alimentar as suas abelhas?

Como Alimentar uma Colmeia

1- Quando devo alimentar as Abelhas?

O melhor é nunca alimentar, este será o mundo ideal nunca ter de alimentar as abelhas e deixa-las construir e ficar com as suas provisões.Clica para Twetar

Você deve deixar as abelhas com o mel suficiente para que possam sobreviver no inverno, se pegar pela colmeia à mão consegue verificar se está pesada ou não,

principalmente se o fizer algumas vezes no ano consegue ver a diferença.

Cada colmeia deve ter pelo menos 22 a 30 kg de mel armazenado para que se consiga manter sem fome no inverno.

No entanto acontece de num ano o fluxo de néctar não ser suficiente para deixar armazenado.

Ou pode ter uma colmeia que ainda agora está a começar.

Neste caso deve alimentar tentando sempre fazer as escolhas mais acertadas pensando na saúde das suas abelhas.

Muitas vezes vejo apicultores que estão a fazer tudo errado.

Muitas vezes vejo apicultores a alimentar sempre, porque acham que fazendo isso com mais frequência, mais fácil será obter mel e ganhar dinheiro com um” xarope de açúcar”.

Existem tantas coisas que estão a fazer de forma errada.

Se você está interessado em transformar o seu pequeno apiário em um negócio a tempo integral em apenas alguns meses, vá em frente e confira o meu e-book Como Iniciar a Apicultura – O Outro Lado.

Eu decidi disponibiliza-lo para si por um tempo limitado, porque este ano a apicosta faz 7 anos e porque eu quero estragar os meus leitores,

porque sei que muitas pessoas querem começar a fazer apicultura.

Para isso se quer saber Como Iniciar a Apicultura – O Outro lado não perca tempo 

Agora de volta ao artigo,

os apicultores costumam iniciar a apicultura com uma ideia errada sobre apicultura.

Isto acontece porque, como apicultor estamos condicionados a pensar como o que vemos os outros a fazer e achamos que quando mais mel tira mais dinheiro faz.

Comecei a ter mais produtividade, porque quebrei os parâmetros e fiz as coisas fora da norma e você também pode fazer.

Todos podem fazer isso. Todo o apicultor pode atingir os seus objetivos se trabalhar com motivação e paixão.

Estamos aqui para te ajudar.

2- Como alimentar as suas abelhas

Você pode usar uma infinidade de alimentadores para alimentar as suas abelhas, apenas terá que se certificar que o tipo de alimentador que escolhe é o apropriado para as suas colmeias.

Alguns alimentadores funcionam melhor do que outros.

Pode ver aqui um dos modelos que servem para alguns tipos de colmeias.

Se por acaso precisar de alimentar as abelhas no inverno não abra as colmeias a menos que esteja acima de 20ºC ou mais e nenhum vento.

Nunca mexa nos quadros a menos que esteja acima dos 25ºC

Uma das coisas que faz alimentar uma colmeia é estimular o aumento da criação.

Mas o açúcar não trás nutrientes nem dá saúde as abelhas.

Por isso tenha em atenção e não esteja sempre a alimentar.

O ideal para alimentar uma colmeia é o Mel que o apicultor pode armazenar para servir-lhes se precisarem.

O Mel é a melhor comida de abelha caso não tenha seu considere comprar orgânico,

nunca mel de produtor normal porque vem com pesticidas e químicos,

caso não tenha essa possibilidade, faça xarope de açúcar.

Mais abaixo temos receita.

 

 

3 – Proteína de Pólen

As Abelhas também precisam de proteína, e você pode alimenta-las com pólen se for necessário.

O Pólen pode ser comprado se não tiver das suas abelhas.

E deve coloca-lo nos topos depois de o desfazer

O pólen é essencial para alimentar a criação por isso se está preocupado com as suas abelhas forneça-lhes pólen no início da primavera.

Se você quiser saber mais como eu alimento as minhas abelhas e como consigo ter abelhas saudáveis e produtivas o e-book Como Iniciar a Apicultura – O Outro Ladol.

Não quero terminar este artigo sem antes explicar por que raio sou contra os alimentos artificiais e o açúcar.

Como Alimentar uma Colmeia

Comprovado:

Xarope de açúcar tem um pH de 6.0

que é muito mais alto que o mel

(3.2 até 4.5 ou seja o açúcar é mais alcalino).

Esta substituição afecta a capacidade reprodutivo das abelhas rainhas e dos zangões.

 É possivelmente, causadora de todas as doenças nas abelhas.

As doenças da criação têm um ambiente muito mais favorável

para a sua propagação no pH do açúcar (6.0) do que no pH do mel (~4.5).

E ainda,

nem mencionamos que o mel e pólen verdadeiro,

são muito mais nutritivos que os substitutos do pólen e o xarope de açúcar.

Dar Pólen artificial, como substituto, causa abelhas que vivem menos tempo, e com má saúde.

 

Depois de ver isto cabe a si analisar se o açúcar faz bem.

 

4 – Mantenha se informado na apicultura

Vejo muitos apicultores a desistirem, ou a gastarem rios de dinheiro com a apicultura só porque não procuram alternativas nem se informam.

A apicultura convencional vai morrer, tem que desaparecer.

Não existe capacidade para manter uma coisa que não tem sustentabilidade e só mata abelhas.

A razão por que a maioria dos apicultores falham é porque não percebem o que lhes está a matar as abelhas e a roubar o dinheiro.

Para ter abelhas saudáveis e fazer dinheiro com apicultura você tem que estar informado para onde vai o seu dinheiro,

como consegue gastar menos, e ter abelhas saudáveis para ter colmeias fortes.

O meu e-book Como Iniciar a Apicultura – O Outro Lado

é um ótimo recurso para o apicultor que quer expandir o seu apiário,

ele explica exatamente como eu cresci o meu apiário e como tenho abelhas saudáveis e consigo ter um emprego a tempo inteiro.

5 – Mantenha-se fiel

Eu vejo alguns apicultores a fazerem tudo o que lhes aparece ou outros dizem para fazer.

Eu sei a informação é muita mas se escolher fazer o correto e que natural vai ver resultados  nas suas abelhas teste mas tem que lhes dar tempo para se regenerarem e curarem de todas as porcarias.

Acredite que vai conseguir.

As receitas que vou passar já a seguir só devem ser usadas caso tenha colmeias a morrer e não tenha mel ou pólen para lhes fornecer.

Em nucleos novos e /ou fracos mas dê sempre preferência ao mel e ao pólen organico.

 

Ajude as Abelhas

 

RECEITA

Então:

1- Substituto(Alimentação) de manutenção

Xarope concentrado de manutenção

1 parte de água / por 3 partes de açúcar

Leve ao fogo e assim que levantar fervura desliga-se

deve-se dar 10kg do xarope por colmeia durante esse período e não se dá todo de uma vez vai se dando conforme elas vão consumindo.

2- Substituto(Alimentação) proteica
1ª Substituição

Levedura de cerveja ou proteína de soja em pó 350gr

Açúcar 650gr

Mistura-se muito bem até não se distinguir o que é açúcar ou levedura.

Fornece-se a alimentação seca para fortalecer a colmeia até a próxima floração ou até à alimentação de estimulação

1 a 2 colheres de sopa por colmeia em cima dos quadros de 15 em 15 dias

2ª Substituição
Junta-se a alimentação energética, mas em vez de seca ( a dosagem é a mesma da receita em cima, da alimentação proteica)
mas vai-se colocando água aos poucos a amassando até obter uma massa tipo pão.

Depois,faz-se uns bifes com 100 a 200 gr. por colmeia,

para se manter a humidade coloca-se num saco de plástico e quando estiver por cima dos quadros,

faz-se uns cortes no saco, para que as abelhas possam comer .

3- Alimentar Abelhas no Inverno, com Substituto (Alimentação) energética
xarope menos concentrado

4 partes de açúcar / 6 partes de água

vai ao lume e quando levantar fervura desliga

1 litro de xarope a cada colmeia de 15 em 15 dias

 

Substituto(Alimentação) para estimular a postura da rainha 

E feita 60 a 40 dias antes de previsão da primeira aflorada da região.

Neste caso damos dois tipos de alimentação a liquida e a sólida com uma receita diferente das de cima.

 

Ajude as Abelhas

 

Adoraria ouvir a sua opinião e responder às suas dúvidas, caso elas existam. Deixe um comentário abaixo.

E não deixe de compartilhar esse artigo com os seus amigos e contatos. Use os botões para escolher sua rede social favorita. Ficarei agradecida.

E se você deseja receber as atualizações do blog em primeira mão, não deixe de cadastrar seu e-mail no formulário abaixo ou no topo do site.

É um prazer tê-lo como leitor. Desejo o melhor para a sua vida.

Boa Apicultura

Sónia e Luís Costa

 

QUERO O E-BOOK - O OUTRO LADO - Apicultura Natural

 


1 comentário

Paulo Pereira · Abril 6, 2018 às 11:53 am

Bom dia Luís
não concordo com algumas coisas sobre a alimentação artificial
no inverno mas agua que açúcar, humidade tem elas cá fora, no meu intender mas açúcar e menos agua
ferver a agua TB não concordo provoca HMF que faz mal ao intestino das abelhas porque não limão ou vinagre de cidra com um pouco de promotor L
isto e a minha opiniao.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: