***

5 Coisas que Novos Apicultores não se devem Preocupar

Resumo Rápido…

Eu tento sempre fornecer um resumo rápido no inicio do meu post para que você possa decidir se este artigo é para você ou não.

  • Arrefecer a colmeia
  • Favos de rebarbas
  • Coloração
  • Zangões
  • Vespas, traça e besouros
5 coisas que novos apicultores

Quando estamos a iniciar uma nova atividade temos sempre a tendência a ficar mais preocupados, e com a apicultura não é diferente.

Os novos apicultores gastam muita energia a ficarem preocupados com as suas abelhas, mas o pior é que se preocupam com as coisas erradas.

Continue a ler para que descubra com o que não se deve estressar.

1- Arrefecer a Colmeia

Arrefecer Colmeia! novos apicultores

As abelhas gostam de ter o interior da colmeia e principalmente os seus ninhos entre(25 a 35ºC).

Esta é com certeza uma das razões porque gostam dos interiores das árvores, permite-lhes um melhor controlo de temperatura e isolamento.

Elas conseguem manter esta temperatura e isolamento.

Elas conseguem manter esta temperatura trabalhando com os seus corpinhos dentro da colmeia.

Se por acaso ficarem muito quentes elas são perfeitamente capazes de arrefecer a colmeia com as suas asas e principalmente se tiverem uma fonte de água por perto.

As abelhas criam correntes de ar dentro da colmeia para extrair o ar quente.

Elas também aplicam vapor de água na superfície dos favos.

A tendência dos novos apicultores, mas também alguns mais antigos, costuma ser, de se preocupar com a temperatura e mexem nas entradas das colmeias.

No entanto, isso faz mais mal do que bem.

Quando se mexe na entrada ou em qualquer parte da colmeia, para abrir uma entrada de ar isso só faz com que as abelhas fiquem mais estressadas.

Mas, pior ainda é libertar o cheiro do interior da colmeia e do mel podendo estar a atrair ladrões.

Mas temos Soluções!

Quer ajudar a sua colmeia com a temperatura?

– Verifique se elas têm uma fonte de água próxima que elas possam usar.

Se uma colonia está a trabalhar e se esforça para manter a temperatura você encontrará um monte de abelhas estranho na entrada da colmeia.

A isto se chama “bearding”

Não tem que se preocupar se vir isto num dia quente, mas se o vir de uma forma consistente mesmo sem tanto calor então talvez seja apropriado intervir.

O que posso recomendar é que sombreei a colmeia nas horas de maior calor com alguma rede ou árvores.

(foto de abelhas pendorada na entrada da colmeia)

2 – Favos de Rebarba

Favo de rebarba! Novos apicultores

O favo de rebarba é um pedaço extra de favo que as abelhas podem construir entre um topo ou outro.

Basicamente, são favos construídos “fora do lugar”.

Às vezes se o espaço dentro da colmeia for grande demais elas preenchem-no com estes pequenos favos onde colocam mel ou ovos de zangões.

Está a gostar quer aprender mais sobre Abelhas e Apicultura

Clique na imagem

Mini - Curso por e-mail Apicultura - Abelhas

Não existe qualquer problema, porque geralmente são quebrados quando se faz uma inspeção.

Caso isso aconteça e encontre algum não tem problema nenhum em raspa-lo e retira-lo da colmeia.

Só tem que ter em mente que se o espaço vazio continuar lá elas vão reconstrui – lo novamente.

3 – Coloração

Coloração! novos apicultores

Até mesmo quem não gosta de abelhas aprecia um bonito favo de cera, novo e claro especialmente se estiver com brilho do mel.

Mas os favos ficam escuros principalmente quando as abelhas o utilizam para colocar as crias.

Quando compra abelhas e elas vêm com favos escuros não significa que estejam doentes até pelo contrário.

A maioria dos apicultores passam a vida a mover favos para poderem retirar essas ceras escuras.

Com as colmeias top bar e principalmente com as colmeias warré isso acontece praticamente automaticamente,

ao colocarmos topos novos no início do ninho faz com que todos os outros se movimentem para a frente em direção ao mel e quando se retira o topo do mel retira-se o favo que está escuro.

O mesmo acontece com a colmeia warré que ao colocar – mos uma nova caixa por baixo todas as outras vão para cima até se retirar o mel.

É também normal que novos apicultores se preocupem com diferentes cores que as abelhas por vezes apresentam.

É normal os zangões e as abelhas operárias apresentarem cores diferentes.

Isto só significa que a abelha rainha desta colonia acasalou com diferentes zangões e que eles tinham colorações diferentes.

Lembrando que muitas das trabalhadoras são meias-irmãs e que nem todas são iguais. Os zangões também têm cores diferentes

Elas são todas haploides e têm apenas 16 cromossomos ( sãoestruturas compostas de DNA que, por sua vez, carregam os genes de um ser vivo, responsáveis por definir as características físicas particulares de cada indivíduo) da sua mãe rainha.

Contudo a abelha rainha tem 32 cromossomos e ela passa 16 aleatoriamente para os seus filhos.

Permitindo assim algumas variações entre os seus filhos.

4 – Zangões

Zangões! novos apicultores

Os apicultores gostam de dizer muito mal dos zangões talvez porque não fazem todo o trabalho que as operárias.

Os zangões são vistos como descartáveis e inúteis.

Tirando os apicultores naturais todos os outros eliminam zangões, e por vezes chegam a encontrar formas de não deixar que os zangões viva em grande numero dentro das suas colmeias.

Nas minhas fotos aparecem por vezes números consideráveis de zangões e os apicultores associam isso a rainhas fracas ou mesmo ausência dela na colmeia.

Mini - Curso por e-mail Apicultura - Abelhas

Nós não concordamos com isto,

e se você deixar as abelhas construírem favos naturais é normal encontrar um número considerável de zangões dentro da colmeia na primavera.

Não perca tempo se preocupando com quantos zangões as suas abelhas fizeram.

As suas abelhas sabem o que estão a fazer.

Desde que você veja uma abelha rainha, um número considerável de abelhas trabalhadoras e um padrão saudável não tem com o que se preocupar.

5 – Vespas, Traças e Besouros

Vespa, Traça e Besouros! novos apicultores

Os apicultores preocupam-se muito com vespas, traça e besouros, porque são grandes e vem-se bem.

Mas não existe uma grande motivo para se ficar aflito com este tipo de insetos até porque, por mais armadilhas que coloque nunca vai conseguir eliminar todos e vai estar a preocupar-se com coisas que não têm grande importância.

Este tipo de vilão são secundários porque só afetam colonias fracas.Clica para Twetar

Se a sua colmeia estiver forte, não vai ter nenhum problema com nenhum destes insetos.

Mas se a sua colmeia estiver enfraquecida, por exemplo, pelo ácaro da varroa essas ameaças secundárias deslocam-se, e pode parecer que estão a destruir a sua colmeia, quando na verdade é o ácaro da varroa e os vírus que elas transmitem que o estão a fazer.

Muitas vezes acontece de encontrar os besouros em uma colmeia saudável, mas normalmente as colmeias conseguem as manter afastadas.

Não é mesmo necessário se preocupar com isso a menos que veja alguma destruição nos favos.

Nota Final – para novos apicultores

No que eu considero ser importante e que deve dar a sua atenção e a sua preocupação é em manter as colmeias fortes e saudáveis.

Fique de olho no seu padrão de ninho e a quantidade de ácaros, se notar ter traças ou besouros dentro da colmeia é sinal que a colmeia não está bem porque elas devem ser capazes de se defender.

Então, você tem este tipo de problemas?

Sim? … Não?

Retire estes itens da sua lista de preocupações e tente relaxar um pouco.

Você vai se divertir muito mais.

QUERO O E-BOOK - O OUTRO LADO - Apicultura Natural

Adoraria ouvir a sua opinião e responder às suas dúvidas, caso elas existam.

Deixe um comentário abaixo.

E não deixe de compartilhar esse artigo com os seus amigos e contatos. Use os botões para escolher sua rede social favorita. Ficarei agradecida.

E se você deseja receber as atualizações do blog em primeira mão, não deixe de cadastrar seu e-mail no formulário abaixo ou no topo do site.

É um prazer tê-lo como leitor. Desejo o melhor para a sua vida.

Boa Apicultura

Sónia e Luís Costa

Abelhas - apicultura - apicultura natural

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: